15.4.10

Diálogo de Ex

- Quem era a loira oxigenada, peituda, esquelética que estava com você na lanchonete lá da esquina?
- Ãh?
- Não se faça de desentendido e nem banque o idiota pra cima de mim!
- Nina?
- Não o papa!
- Oi papa. Tudo bem?
- Para com isso!
- Já viu que horas são?
- 02h45 da manhã.
- Você me acordou!
- E você não me deixou dormir!
- Sério?
- Não. Eu estou zuando com a sua cara às 03h00 da manhã.
- Não era 02h45?
- Tá era.
- Não é mais?
- Não me enrola!
- Ok.
- Katiuschia.
- Ãh?
- O nome dela é Katiuschia.
- Nome feio. Se bem que ela é bem feinha. Você já teve melhores. Caiu de nível hein?
- Cê acha?
- Preciso comentar?
- Não fale assim da menina. Você nem conhece ela.
- Nem quero conhecer.
- Cadê a simpatia? Cadê a garota boazinha que conheci? A guria paz e amor eu não odeio ninguém?
- Sabe lá Deus.
- Pronto. Posso dormir? Já descobriu o que queria?
- Espera.
(pausa)
- Você está ficando com ela?
- E daí se tiver?
- Sim ou não?
- É...
- Isso é um sim ou um não.
- Digamos que equivale a um talvez.
- Não acredito!
- O que foi agora?
- Você terminou comigo para ficar com aquela carniça?
- Ei, ei, ei. Espera aí! Quem terminou comigo foi à senhorita. Não me venha com esse papo de ‘eu que fui abandonada’.
- Não fui?
- Com certeza! Até parece que foi você que levou um fora depois de comprar um belo buquê de flores para impressionar a namorada. Sabia que um troço daqueles custa caro?
- R$ 100.
- R$ 100! Ainda me diz isso com a voz mais cínica do mundo! Com R$ 100 eu comprava um monte de coisa.
-Tipo?
- Um monte de latinha de cerveja, de roupa, de revista de mulher pelada.
- Ridícula essa última parte.
- Já viu a playboy daquela BBB? Pense numa mulher gostosa!
- Dispenso esse tipo de comentário.
- Mas é aí?
- E aí o quê?
- Porque me ligou.
- Porque eu quis.
- Sem essa. Conta outra. Assume! ficou com ciúme da Katiuschia.
- Saí fora! Sou mais eu.
- Voltamos então?
(pausa)
- Estou numa fase de transição.
- Lá vem de novo ...
- Para vai!
- Já ouvi isso antes.
- É que ...
- Lá vem a ladainha.
- Grosso!
- Chata.
- Arhh.
- Posso voltar a dormir?
- Boa noite!!!
- Você errou! Bom Dia!!!
- Ãh?
- São 03h00 da manhã.
- Tchau.

5 minutos depois ...
- Otávio?
- Que foi agora???
- Só pra te desejar bons sonhos.
- Tá! Já desejou. Agora boa noite, bom dia, sei lá.
- Cê tá com raiva?
- Não estou feliz da vida.
- Me desculpa.
- Tá bom agora vou dormir.
- Sabe o que era?
- Não sei não!
- É que ... estou com saudade ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poucas palavras ...