27.11.08

Novas bizarrices de Calvin & Haroldo

Em inglês a série é chamada de Calvin & Hobbes, em alusão ao teólogo protestante francês Jean Calvin e ao filósofo inglês Thomas Hobbes. A tirinha conta a vida de Calvin, um garotinho de seis anos que tem como melhor amigo um urso de pelúcia, Haroldo, que ganha vida na ausência de adultos.

Calvin usa um humor leve e irônico para, com o tom pueril das crianças, discutir temas sociais, políticos, religiosos e culturais, alfinetando com frases clássicas como "faça o que tem que fazer e deixe os outros discutirem se é certo ou não".


Fiel às raízes


A série, inspirada em Snoopy, de Charles Schulz, é lembrada por não ter feito nenhum tipo de merchandising oficial. Como explica Bill Watterson: "Na verdade, no começo da série, eu não era contra o merchandising, mas cada produto que pensei em criar parecia violar o espírito da tirinha, contradizendo a sua mensagem, e me afastando do trabalho que eu amava".


Sucesso


Criada em 1985, as tirinhas de Calvin e Haroldo foram publicadas diariamente, por 10 anos, em mais de 2.400 jornais ao redor do mundo, mantidas até 1995. A série ganhou duas vezes o Reuben Award, da Associação Nacional de Cartunistas dos EUA, em 1986 e 1988.

Os álbuns publicados por Bill Watterson venderam mais de 30 milhões de cópias em todo o mundo e chegam à sua quinta edição no Brasil, depois das publicações de O Mundo É Mágico, E Foi Assim que Tudo Começou, Tem Alguma Coisa Babando Embaixo da Cama e Yukon Ho. (Yahoo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poucas palavras ...